terça-feira, 30 de junho de 2015

Nova história - In progress

Olá perfects,

Há trabalhos que nos surpreendem. Há opções que tomamos a achar que vai ficar bem, mas não sabemos que vai ficar tãooooo bem. Este papel de parede é um desses casos. A decoração ainda não está completa, mas não resisti em mostrar. Espero que gostem tanto como nós. ;)

Bjs 

sexta-feira, 26 de junho de 2015

Profissão de Fé

Olá perfects,

Já devem ter percebido que cá por casa é party season. Há umas semanas foi a profissão de fé da L. Para nós as cerimónias religiosas são muito importantes, mas a profissão de fé quer-se simples. A celebração foi em família, em casa dos meus pais, pois ainda por cima coincidiu com a aniversário da minha mãe. A cerimónia foi muito bonita, a L. estava bem disposta junto dos seus amigos e o almoço foi restrito à família mais chegada e padrinhos da L.

Querida L. este post foi escrito especialmente para ti, para que tu, daqui por uns anos, possas vir rever este meu blog e que vejas como estávamos todos felizes por ti, por renovares estes teus votos de fé. Quero que saibas como és especial, como eu e o pai desejamos que sejas sempre muito feliz e como as tuas manas mais novas te admiram. És uma menina doce e com bom coração. Desejo que te mantenhas sempre assim. <3

Agora para as seguidoras do blog, as dicas:

1- A L. escolheu os tons do bolo - lilás, como o serviço que usamos da vista alegre tem dourados, os pormenores dourados no bolo e nos cakepops foram buscar esses detalhes dourados.

2 - Colocar uma mesa apenas com o bolo e alguns doces, neste caso cakepops, pois são os preferidos das crianças cá de casa (meninas e primos).

3 - O almoço foi algo descontraído e muito familiar.

4 - Pela idade e pela altura da L (já mede mais de 1,6m) já só consigo comprar roupas nas lojas de adultos/adolescentes. Vimos imensas alternativas mas ela apaixonou-se por este vestido assim que o viu. Vimos muitos depois, mas estava escolhido. Não fomos pelo obvio branco (o vestido era de um salmão clarinho) e nem pensar em vestidos compridos, nesta idade fica a parecer umas noivas. Queria que parecesse a menina com a idade que tem. Ela estava muito feliz e, apesar de alguma formalidade, o vestido era menineiro. (é da Morgan de Toi, também no El Corte Inglés).

5 - As roupas pedem-se semi formais, já que a cerimónia foi simples e a festa em casa. O pai levou blazer e calças de cor diferente sem gravata. As manas levaram conjuntos amorosos da CAT, mas em vez de vestidos eram kits com calções,  elas deliraram e estavam amorosas pois tinham imenso pormenor, os laçarotes não podiam faltar. Eu escolhi um vestido capa da Alperce, muito simples, elegante e que se pode usar em diversas ocasiões... é giríssimo para um jantar, por exemplo.










Muito Amor

Amor de família

Menina do papá

Os padrinhos muito amigos.

Adora-a

Surpresa para a avó aniversariante.

Já está tão crescida e já corta o bolo sozinha.

Espero que gostes deste post minha boneca maior.
As seguidoras espero que tenham gostado da partilha, que seja útil ou, de alguma forma, inspirador.

Beijinho e bom fim de semana,

Inês

BE HAPPY, BE PERFECT!




quinta-feira, 25 de junho de 2015

A Casa Perfeita

Olá perfects,

Este feriado (sim leitoras do Sul e Companhia, ontem foi feriado de S. João aqui no Porto)aproveitei para comprar uma novas revistas de decoração e arquitectura. E, por coincidência, ou não, duas delas tinham na capa o tema 'A Casa Perfeita' - giro, não?



Quem lê o blog sabe o que é para mim uma casa perfeita, não sabe? Ouvi siiiim? Uns sins silenciosos, porque algumas/alguns estão a ler o post no intervalo do almoço, outras(os) no escritório, outras(os) com os filhos e ainda outras, podiam dizer um sim alto à vontade, mas simplesmente não são tão tolinhas como eu!! ;) 

Pois é, para mim uma casa perfeita é uma casa feliz. 

Por isso, as casas não têm de ser grandes, ou à beira-mar, ou ricas, ou novas, mas sim casas onde há amor. O amor pode ser por quem vocês quiserem e, de preferência por vocês próprias, mas uma casa onde se sinta amor. Vontade de estar bem, consigo própria, com a família, com os amigos... Para mim a decoração é maravilhosa por isso mesmo, porque mesmo nos casos em que as pessoas não valorizam tanto a casa (como eu), com uma remodelação passam a querer estar muito mais nela, estar muito mais felizes e a casa passa a respirar uma harmonia que nem sempre respirava, mas tudo isto só é possível quando há amor. Pois, pois, eu sou uma romântica, bem sei, mas não há nada a fazer, esta doença já não tem cura. :) 

Na verdade, acabo quase sempre por desenvolver uma boa relação de amizade com os meus clientes. Há uns tempos falava com uns deles sobre a confiança e dizia: a partir do momento que me abrem a porta das suas casas não há maior intimidade do que essa... senti que eles ficaram um pouco perplexos, pois não tinham pensado no assunto dessa forma, mas concluíram que eu tinha razão. Por isso, para mim, o respeito pela sua maneira de ser, pelos seus gostos e necessidades é o factor principal. No entanto, há algo de que não abdico, o respeito por mim e pelo meu trabalho. Isso é fundamental, isso é amor e se eu não amar o que faço não o vou fazer bem. 

Mas este post não foi escrito para falar do mim (posso mais tarde desenvolver o assunto da única cliente incorrecta que tive até hoje. Vocês podem estar a pensar, que sorte, só uma! Mas a verdade é que, para mim, como procuro ser sempre correcta com as pessoas, uma é demais!). Avançando... 

Este post é sobre os pontos principais a ter em conta para se ter uma casa perfeita, no sentido arquitetónico/design da questão, procurando resumir as ideias apontadas.

A Casa Perfeita:

1 - Deve ser um reflexo de nós próprios. Cada família tem uma identidade própria e, por isso, a sua casa deve reflectir a sua vivência e gostos. Também deve respeitar costumes locais e culturas, sem perder  a funcionalidade e racionalidade, referidas em elementos a seguir.

2 - Deve estar integrada no contexto em que se insere. Se for possível recuperar /manter elementos existentes como a estrutura ou o soalho, por exemplo, são elementos que podem aportar individualidade à casa. O respeito pela arquitectura local é também muito importante.



3 - Deve ser fluida tendo uma boa ligação ao exterior. Seja na cidade ou no campo, devemos procurar que haja fluidez dos espaços. Se falarmos de uma moradia, a ligação com o exterior é fundamental e este deve ser feito de forma natural. O mesmo podemos ver em relação a um apartamento e à ligação com as varandas, se houver essa fluidez a casa tende a multiplicar-se e parecer maior do que o que é.


4 - Deve aproveitar ao máximo a luz natural. Janelas amplas e uma boa disposição solar é fundamental, o conformo aumenta muito e os gastos diminuem. :) As casas voltadas a norte são sempre mais frias e as voltadas a poente mais quentes. Por isso é que os apartamentos de dimensões e tipologias idênticas diferem muitas vezes de preço. Se for construir uma moradia procure que o jardim tenha uma disposição sul/poente. Aproveitá-lo-á muito mais meses durante o ano, poderá comer no alpendre num dia bonito de Março, por exemplo.




5 - Deve ser versátil. Não nos podemos esquecer que a nossa vida vai mudando e as necessidades também. Os filhos crescem, nós envelhecemos e mesmo, no momento actual, durante a semana temos uma vivência e ao fim de semana outra. Para mim é fundamental que as divisões sejam funcionais e relativamente próximas, de forma a tornar a casa fácil de utilizar e pouco cansativa. A cozinha, por exemplo, que é muitas vezes o coração da casa, deve estar próxima da sala de jantar e do exterior, além de que deve ter uma mesa que pode servir para refeições ou para as crianças fazerem os TPC quando estamos a preparar o jantar.

6 - Deve ser eficiente. Numa época em que falamos muito dos consumos energéticos, reciclagem, materiais isolantes... Um dos principais elementos já foi referido em 3, a disposição solar. No entanto, uma boa caixilharia, boa construção que permita bom isolamento térmico e acústico,  painéis solares, sistemas de aquecimento, como o piso radiante com bomba de troca de calor, utilização de lâmpadas LED. Tudo isto são formas, entre muitas outras, de tornar a casa mais eficiente e, portanto, mais feliz.

7 - Deve ser amiga do ambiente - muitas das sugestões apontadas em 5 acabam por satisfazer este ponto, como as LED e os painéis solares.

8 - Deve ter o máximo de materiais: algodão, linho, lã, madeira, cerâmicas, são opções que se boa qualidade envelhecem bem e ficam sempre bonitas em diferentes contextos.



9 - Deve tem uma boa cor de fundo. Os fundos neutros nunca passam de moda: o branco, o bege ou o cinza são cores que não cansam e que ficam bem com toda a decoração. Ajudam a valorizar outros elementos como quadros, fotos e outras obras de arte e permitem alterar a decoração sem obras.

10 - Deve ser um refúgio. Nós vivemos vidas muito corridas, sem tempo para nada, com imensas preocupação. A nossa casa deve ser aquele espaço que nos permite desligar do mundo quando necessário. Por isso, quando as crianças já têm idade para tal devem ser envolvidas na decoração (as minhas filhas já escolheram a cor do quarto de cada uma). A casa deve permitir o convívio de todos em harmonia, sem stresses, mas com respeito pelas coisas e pelos outros. 

Imagino que já devam estar cansadas de tanto texto, mas espero ter conseguido reunir aqui as principais ideias do que li e do que é a minha opinião.

Um beijinho,

Inês

BE HAPPY, BE PERFECT!

segunda-feira, 22 de junho de 2015

Festa de aniversário: Futebol para meninas || Birthday party: Soccer for girls

Olá perfects,

por estes lados não anda fácil, tanta coisa para fazer e tão pouco tempo. Tenho várias coisas para mostrar, mas hoje ficam algumas imagens da festa da minha boneca do meio. A M. é a mais atlética das 3, ganha o jogo do estica e as estafetas a toda a turma, "até aos rapazes" como ela mesma diz. Apesar de ser muito enérgica, é uma menina muito sensível e carinhosa. Preocupa-se muito comigo e defende imenso a irmã mais nova no colégio. Além disso, é o despacho em pessoa, é muito desenrascada e é arrumadinha desde pequena. Era sempre engraçado ver, quando tinha dois anos, tirava os sapatinhos e encostava-os muito arrumadinhos num canto do quarto. Nada de espalhar coisas por aqui e acolá. Ri-se em gargalhadas muito estridentes e é a alegria em pessoa. 

Por isso, os dias com ela são uma animação. A suas festas são sempre as mais exigentes fisicamente, pois os amigos tendem a ser como ela, muito 'físicos' e procuram brincadeiras igualmente enérgicas. Como tem andado todos os intervalos a jogar futebol, este ano decidiu que o tema da festa seria esse. No entanto, avisou: 'mas uma coisa para menina, mãe!', não fosse eu pensar e fazer uma festa como se fosse para um rapaz. Bem, para dizer a verdade eu não pensei nada, de facto, eu nunca sonhei que iria fazer uma festa de aniversário com tema 'futebol'... talvez ajudar a minha irmã na festa de um dos meus sobrinhos... para uma das minhas filhas, nunca me passou pela cabeça. Não que eu não goste de futebol, gosto! Gosto de ir ao estádio, fico irritada se a equipa não está a jogar bem, se perdemos, nem se fala. Mas achar que futebol podia ser um tema para festa de aniversário de uma menina... não pensei. Já podem ver que as minhas clientes cá de casa são muito exigentes, mas aqui estou eu, a fazer o meu papel de mãe... satisfazer os seus desejos. Como sempre, apesar de todas as imperfeições naturais de uma mãe que não é cake designer nem anda lá perto, a minha linda M. adorou tudo, espantou-se com o bolo e disse que os cake pops (apesar de estarem bem feiinhos) estavam deliciosos ao ponto de comer 'aí uns 3'! ;) Esta é a minha forma de partilhar convosco um pouquinho da minha vida. Espero que possa, de alguma forma, inspirar-vos.













Beijinhos e obrigada por estarem aí.

Inês

BE HAPPY, BE PERFECT!





sexta-feira, 12 de junho de 2015

007 festa de aniversário

Olá perfects,

Estas semanas têm sido recheadas, não só de trabalho, mas também de festas. E na passada 4F a minha mais pequena M foi à festa de um amiguinho, o Gui, em Serralves. O espaço é sempre uma delicia para quem não pode/quer fazer festas em casa, mas o que me encantou, foi o carinho e dedicação com que a Cátia decorou a festinha do seu menino. Como sabem, eu só tenho raparigas, por isso, as festas cá de casa acabam por ter temas bastante femininos (a da próxima semana será uma surpresa ;). Quando vi as fotos pedi à Cátia para partilhar, pois acho que é uma ideia giríssima e super original. Além da cena do crime, da procura do criminoso durante a festa (que a M não se cansou de contar), os pormenores das bolachinhas, dos brigadeiros tipo bomba e até da coincidência de ser o 7º aniversário do Gui, achei tudo um amoooor. No final, não faltou o presente para os amiguinhos com uns óculos de sol, um bigode e pintarolas dinamite, que já fizeram as delícias cá de casa. 

Parabéns ao Gui que é um amor de menino, à sua mãe pela ideia e pelo trabalho que teve e um MUITO OBRIGADA por me ter deixado partilhar. Espero que gostem tanto como eu.











Beijinhos e bom fim de semana

Inês

BE HAPPY, BE PERFECT!


sexta-feira, 5 de junho de 2015

Terraços DIY

Olá perfects,

O tempo já pede que usemos o exterior. Uma varanda ou um terraço são um must nesta altura, para fazer as refeições e respirar um pouco de ar puro. As ideias de hoje são m+numa onda DIY, já que os (as) mais habilidosos (as) podem usar paletes ou tábuas de madeira para criar a zona de estar, com um look mais rústico. Muita madeira, tons neutros, umas luzes para a noite.

Espero que seja uma boa inspiração para o fim de semana que aí vem e que haja bom tempo para usarmos o exterior. Por cá temos uma celebração muito bonita. ;)






Beijinhos e bom fim de semana

Inês

BE HAPPY, BE PERFECT!