segunda-feira, 24 de setembro de 2018

As receitas dos nossos snacks do lanche

Olá perfects,

Na semana passada postei algumas fotos no stories com os snacks do lanche das minhas filhas e várias disseram que queriam saber as receitas. Neste início de ano lectivo, começamos, geralmente, a procurar organizar os lanches das crianças (e os nossos). Como expliquei no instagram, não gosto de lhes mandar as alternativas processadas, recheadas de chocolate. Por isso, hoje venho, como prometido, partilhar convosco as receitas que faço mais e de que gostamos todos (mando para as meninas, mas também levo para mim e para o pai).

Uma das receitas mais bem sucedidas e que fazem mais sucesso junto das amigas são as Bolachas de Aveia. Aliás, as meninas já me têm pedido para levar a mais, pois a amiga A ou B lhe pede sempre. ;) A receita é baseada na receita da Bimby de Bolachas de Aveia Recheadas (se tiverem o cookey encontram facilmente). No entanto, adaptei para serem mais saudáveis e não faço o recheio.



Ingredientes: 
60grs de óleo de côco
60 grs de açúcar mascavado
1 col de chá de açúcar baunilhado
1 ovo
100 gr de flocos de aveia
30 gr de côco ralado
60 gr de farinha
1/2 colher de bicarbonato de sódio
1/2 colher de chá rasa fermento p/ bolos
1 pitada de sal

Preparação:
Bater bem a manteiga, o açúcar e o ovo. Depois adicione os flocos de aveia, o côco, a farinha, o bicarbonato, o fermento e o sal e misture bem. Com a ajuda de duas colheres de chá, forme bolinhas do tamanho de uma noz e coloque num tabuleiro deixando aprox. 7-8 cm entre elas. Leve ao forno 170º cerca de 15 minutos, retire e deixe arrefecer.


As Bolas Energéticas foram umas das últimas experiências e elas adoram. Gosto de lhes mandar antes dos treinos para um segundo lanche, quando vêm mais tarde. A verdade é que, como adoram, levam por vezes para lanche de meio da manhã. Guardo-as sempre no frigorífico e só retiro antes de elas irem para a escola.  É uma boa receita antes do treino para nós também. A receita é também adaptada da receita de Bolas energéticas de Bimby e tem a vantagem que não tem de se cozinhar, é só misturar ingredientes.



Ingredientes:
50 grs de chocolate p/ culinária partido em pedaços
120gr de amêndoa s/ pele
40 gr sementes de linhaça
50gr de tâmaras desidratadas
20gr de bagas goji
20gr óleo de côco
60grs de mel
80 grs de flocos de aveia
5grs de côco ralado

Preparação:
Picar o chocolate. Picar amêndoa, linhaça, tâmaras, goji com o óleo. Adicione o mel e misture bem. Envolver muito bem os flocos de aveia, o côco e o chocolate. Forme bolas de 1,5cm e guarde numa caixa hermética no frigorífico.


Uma outra alternativa que faço para os lanches, mas esta mais apreciada pela mais velha e por mim, do que pelas mais novinhas, são as Bolas de Granola.


Ingredientes:
250gr maça cortada em pedaços
1 laranja (raspa e sumo)
60 gr de óleo de côco
50gr de mel
40 gr de côco ralado
2 ovos
200 gr de flocos de aveia finos
150 gr de flocos de aveia inteiros
40 gr arroz tufado de chocolate

Preparação:
Cozinhar a maçã, a raspa de laranja e 80gr do sumo. No final triturar. Adicionar o óleo, o mel e côco e os ovos. Misturar a aveia e o arroz tufado. Fazer bolinhas fazendo um pouco de pressão. Colocar no tabuleiro e levar ao forno 180º, 25 minutos. Retirar, deixar arrefecer e depois guardar numa caixa hermética.

lanches para as crianças, mimosa sem lactose, baby bell, bimby, bolas energéticas, bolachas de aveia, bolas de granola.


Geralmente procuro enviar 2 ou 3 de cada, com um leite ou iogurte, fruta ou um queijinho (vaca que ri ou baby bell). Coloco numas caixinhas pequenas para não se amassarem nas lancheiras. Como tenho de enviar sempre um lanche para de manhã e outro para de tarde, procuro mandar uma opção destas para um dos lanches e meio pão para o outro lanche. Assim, elas vão variando.

Se gostarem das receitas e as experimentarem digam a vossa opinião. Também podem partilhar no Instagram e identificar a minha página, pois eu vou adorar ver. 

Sigam para acompanharem as novidades diariamente

Beijinhos,

Inês

BE HAPPY, BE PERFECT!





sexta-feira, 27 de julho de 2018

Festa de aniversário Unicórnio

Olá perfects,

A minha Mafaldinha fez 10 anos este mês. Sim, 10 anos, nem me quero acreditar que vai para o quinto ano. Definitivamente já não tenho nenhuma pequenina, na primária (ou primeiro ciclo, como se diz agora). Mesmo assim, ainda dá para aproveitar pois ela ainda gosta de temas de menina e, este ano, não podia fugir à regra e escolheu o tema unicórnio, tão na moda e tão amoroso.

Como tem sido habitual tive a ajuda da Love my party, para conceber toda a mesa e desenvolver os elementos gráficos, como os labels de comida e garrafinhas, caixas de pipocas, bandeirinhas e alguns docinhos (como os brigadeiros, as mousses e outros). 

Desta vez escolhi a Mary Poppins para fazer o bolo unicórnio e os cakepops, que estavam amorosos e voaram, mesmo! 

As caixinhas de algodão doce e os Lollipops gigantes de marshmallow são da Flying Tiger Portugal.

Como o tema Unicórnio está muito na berra não é difícil encontrar elementos à venda para decorar a mesa, por isso, encontrei a pinhata na Hip Hip Hooray. Os balões e as palhinhas com unicórnios também são de lá, assim como os guardanapos de papel, que não aparecem nas fotos mas eram mesmo amorosos.



No entanto, exatamente porque já tenho visto várias mesas deste tema, o objetivo de fazer uma mesa diferente e especial para a minha Mafaldinha requeria algo especial. Por isso, acabei por decidir fazer um unicórnio pintado à mão para o backdrop. O resultado final fez as delícias de miúdos e graúdos e a minha Mafaldinha ficou delirante. Depois foi só terminar com uns balões em formato estrela, por a festa a rolar e deixar uma menina muito feliz.


Espero que tenham gostado destas ideias. Adorei todos os fornecedores que usei e recomendo (não, não me pagam para dizer isto)! Se querem organizar sozinhos uma festa em casa leiam este post com dicas para organizar a festa em casa. Esse post já escrevi |á algum tempo e eu já raramente entro na loucura de fazer tudo. Como expliquei antes, o bolo, cakepops, cupcakes e bolachinhas encomendo muitas vezes (a não ser que queria ser mesmo eu a fazer) quer à Love my party, quer à Mary Poppins, como neste caso. Os convites, labels, caixas de pipocas também peço à Ju, da Love my party, pois ficam sempre mais giros, assim como alguns doces e comida que ela também faz muito bem. É claro que eu gosto de por a mesa, organizar as coisas, mas se tivermos alguém que concebe uma série de coisas e o layout, fica tudo mais fácil.  Assim, fico com tempo para tratar de alguns pormenores, comprar coisas que são da minha responsabilidade, das mesas de salgados de crianças e adultos ou até de fazer almoço, como foi no caso do aniversário arco-íris da Matilde.

Aguardo os vossos comentários e feedback. Quem já fez uma festa com este tema?

Beijinhos,

Inês 

BE HAPPY, BE PERFECT!









terça-feira, 24 de julho de 2018

Escolha e decore a mesa de apoio como um profissional || Choose and style a side table like a pro

Olá Perfects,

Uma das coisas que mais gosto na decoração de interiores é dar os toque finais. A decoração das mesas de apoio (e a escolha das mesmas) pode parecer um pormenor mas faz toda a diferença! Por isso, neste post vou-vos mostrar algumas ideias e dicas que podem ser úteis para quem quer dar um ar de decoradora à sala! ;)

No que se refere ao tipo de mesa, a escolha depende muito do look que procuramos dar ao espaço e do espaço em si. Já vimos que uma das grandes tendências são as texturas naturais, por isso, se é esse o look da vossa sala as opções são várias e muito giras.

open concept kitchen and sofa

Se quiserem optar por um look mais glamoroso então podem optar pelo dourado, que fica sempre lindo. As opções lacadas também são sempre leves. Podem ficar giras combinadas com diferentes texturas e madeiras (é sempre uma questão que me colocam, se podemos, ou não, fazer misturar laçados com madeiras e a minha resposta é SIM)! Podem também ser usadas num look muito nórdico.

gold side table decorating

white side table grey sofa nordic design


Em relação ao formato, a dúvida entre redondas ou retangulares é também uma constante. Mais uma vez a resposta é: Depende. Quando a mesa é numa zona de passagem prefiro usar uma redonda, para não ficar pontas agressivas. Se o sofá e as mesas estiverem encostadas à parede gosto de retangulares, assim como se for entre dois sofás em L. No entanto, não quer dizer que não fiquem giras as redondas também.
black wall side table lamp



blue grey sofa wallart natural side table


Para decorar uma mesa de apoio geralmente uso um candeeiro giro, um vaso ou jarro com flores, uma vela ou um elemento  (uma pequena peça que introduza outra textura ou diferente formato) , livros ou um tabuleiro (não tudo ao mesmo tempo)! 😉 O candeeiro para dar altura e pelo elemento prático da iluminação. Os livros ou tabuleiro que são o elemento horizontal e que permitem agrupar peças, como a vela ou outros objetivos decorativos, as flores porque um elemento natural é sempre um Must Have. Não se esqueçam de misturar formatos, porque se puderem tudo quadrado ou redondo não tem piada nenhuma.

neutral decor

leather sofa living room

Se gostaram deste tipo de post digam e deixem outras ideias e dúvidas nos comentários, pode ser? Para orçamentos e marcação do serviço de design de interiores (já estamos a agendar até ao Natal), por favor, enviem e-mail, assim como se quiserem orçamento para alguma mesa de apoio destas que viram aqui.

Sigam-nos no Instagram e Facebook para irem acompanhando as novidades.

******** in english ******

Hi Perfects,

One of the things I love most about interior designing is getting the finishing touches. Side Tables Decor (and choosing them) may seem like a detail but it makes a big difference! So in this post I'll show you some ideas and tips that can be useful for those who want to give Designer look to the room! ;)

Regarding the type of table, the choice depends very much on the look we seek to room and space itself. We have already seen that one of the great trends is natural textures, so if this the look you are lookinf for, you have a lot of options. If you want a more glamorous look then you can choose gold finishings, which is always beautiful. Lacquered options are always light. They can be combined with different textures and wood (it is always a question that they you ask me, if we can mix lacquered with wood, and my answer is YES)! They can also be used if you are looking for a very Nordic look. Regarding the format, the doubt is always between round or rectangular side tables. Again the answer is: It depends. When the table is in a passage area I prefer to use a round one. If the sofa and the tables are leaning against the wall, I like rectangular side tables. The same thing if they are between two sofas, making an L shape. However, it does not mean that the round ones don’t look good either.


To decorate a side table I usually use a table lamp, a vase or jar with flowers, a candle or an element (a small piece that introduces another texture or different format), books or a board (not all at the same time)! 😉 The lamp to give height and lighting. The books or board that are the horizontal element and that allow you to group pieces such as candles or other decorative objects, the flowers because a natural element is always a Must Have.



If you liked this post pelas let me know and leave other ideas and doubts in the comments, OK? For budgets and appointment of the interior design service (we are already scheduling until Christmas), please send an e-mail, as well as if you want a budget for any side table.

Follow us on Instagram  and Facebook to follow the news.







GuardarGuardarGuardarGuardar

segunda-feira, 16 de julho de 2018

Festa de aniversário arco-íris || Rainbow birthday party

Olá Perfects,

Junho e Julho são meses de festa! Nem imaginam os nossos fins de semana. Finalmente, consegui reunir as fotos para vos mostrar a festa da Matilde, cujo tema foi arco-íris. Desta vez decidimos fazer uma festa com almoço. Por isso, temos a mesa de doces e a mesa do almoço que colocamos no jardim, pois esteve um dia de sol maravilhoso.

Como foi uma festa de crianças todo o ambiente e decoração foram descontraídos. O painel fui eu que pintei, de resto, toda a parte gráfica foi da responsabilidade da Love my Party, que adaptou o meu desenho do convite. Partimos das cores do arco-íris e trabalhamos a mesa de doces a partir daí. Incluir o bolo, cakepops coloridos, brigadeiros, caixinhas de pipocas, gomas e pastilhas elásticas (ou chiclets, como dizemos no Porto) e um pratinho de fruta.

aniversario arco-íris rainbow birthday party


 Desta vez decidi fazer o bolo (aliás fiz dois bolos, um para a família outro para os amigos) e posso dizer que o bolo do dia dos amigos não ficou muito bonito! :( Os miúdos adoraram, porque por dentro tinha as cores do arco-íris, mas o cheese cream não me calhou como habitual e não tive tempo para melhorar!
rainbow cake aniversario arco-íris rainbow birthday party
Este foi o que fiz para a família. Vê-se logo que, apesar de não estar perfeito, está mais arranjinho do que o que está na mesa (que foi o do dia da festa dos amigos)

aniversario arco-íris rainbow birthday party
aniversario arco-íris rainbow birthday party
Pelo menos tem as cores :)

Desta vez decidi fazer um prato com fruta a simular um arco-íris. Assim, sempre havia uma opção saudável, apesar de que, para ser sincera, poucos comeram. ;)

aniversario arco-íris rainbow birthday party

Mantendo a ideia da cor fiz as tacinhas de gelatina colorida. Deu uma trabalheira, mas visualmente ficaram giras. Conjugadas com as chiclets em bolas coloridas, as pintarolas e os cakepops, tornaram a mesa muito colorida.. 

aniversario arco-íris rainbow birthday party

aniversario arco-íris rainbow birthday party
 aniversario arco-íris rainbow birthday party
aniversario arco-íris rainbow birthday party

Nas mesas de festa de aniversário (dessert tables), um dos pormenores que tornam tudo especial são os labels e as caixinhas de pipocas e batatas fritas. Neste caso, coloquei apenas caixinhas de pipocas, pois gosto de separar a mesa de doces. Tudo partiu do convite de aniversário.

aniversario arco-íris rainbow birthday party


 O arco-íris e as pontinhas, a Love My party replicou nas caixinhas de pipocas e nos labels das garrafinhas. Gosto tanto. Além disso, é muito prático, pois escrevemos os nomes dos meninos em cada uma das garrafinhas e assim não há confusões. ADORO estas caixas de pipocas com as ondinhas que a Ju faz, são um amor! 

aniversario arco-íris rainbow birthday party

aniversario arco-íris rainbow birthday party

aniversario arco-íris rainbow birthday party

aniversario arco-íris rainbow birthday party

 Como decidimos fazer almoço, colocamos a mesa no jardim e usamos os pratos e e guardanapos em chevron zigzag. Para centro de mesa de aniversário usei vários frasquinhas como flores de cores diferentes e coloquei corantes alimentares na água, para dar cor. Depois foi só trazer os dispensadores de sumos para a mesa, a comida e foi a alegria total! ;)

aniversario arco-íris rainbow birthday party

aniversario arco-íris rainbow birthday party
aniversario arco-íris rainbow birthday party

Foi um dia muito divertido e colorido, como é a minha Matilde. Fico sempre feliz de as ver felizes.

Se quiserem acompanhar mais cedo estes acontecimentos sigam-nos no Instagram (vou sempre colocando Stories) e no Facebook

Agora os links para alguns fornecedores (basta clicar no nome):

Table design, design gráfico, cake pops, palhinhas: Love My Party 
Pratos e guardanapos: Sanimaia (Foz)
Garrafinhas de vidro: Flying Tiger 
Prato retangulares e jarras de vidro com as chiclets: IKEA
Pastilhas elásticas, gomas e pipocas: Jumbo/Auchan

Espero que tenham gostado e que vos tenha sido útil.

Aguardo as vossas questões.

Beijinhos,

Inês

BE HAPPY, BE PERFECT!


*******in english*******

Hi perfects,

This post is about my daughter's rainbow birthday party. The cake was home made, and so are the jelly cups. We have used colorful cake pops, a rainbow cake, colorful sweets and treats to make the dessert table colorful and amazing.

As I have served lunch, the other table was designed with different cups with different flowers. I have put some food coloring to change the water color and make it happy. Chevron plates and napkins also look amazing on the table. I have painted the backdrop myself. The kids loved it and had a lot of fun. A rainbow birthday party is always happy and colorful, and this one also was, as my lovely daughter, herself.




quarta-feira, 27 de junho de 2018

Tudo sobre a nossa viagem a Míconos

Olá perfects,

Como tinha prometido aqui está o post da nossa viagem a Míconos. Tiramos uns dias apenas para os dois, o que nem sempre é possível, por isso, ao contrário do que normalmente acontece cá por casa, as férias foram pensadas para dois adultos. 

Onde Ficar

Se acompanham o meu Instagram sabem que ficamos no Mykonos Ammos Hotel. Adoramos! O serviço é excelente e fica localizado na praia da Ornos, mesmo em cima da praia. Tem uma zona de praia privada, do Hotel. O restaurante Kuzina, do Hotel, onde se toma o pequeno almoço, é mesmo em cima da praia! Não é um Hotel grande, tem uma arquitetura típica Grega e com uma base sempre branca e texturas naturais. O atendimento desde a recepção ao pequeno almoço é maravilhoso.



Mykonos Ammos Hotel
Vistas ao pequeno almoço, nada mau!! ;)

Da praia do hotel (Ornos)

Boa escolha de tecidos para as espreguiçadeiras, não? ;)
Ornou beach Mykonos
Para além do restaurante de que já falei, tem um restaurante exclusivo para quem está alojado no Hotel, caso queiramos um jantar ou almoço mais recatado (o que não foi um problema nesta época do não, mas acredito que possa ser para quem vai no Verão). O Hotel tem um serviço de transfer so aeroporto gratuito e tem transportes públicos para a cidade de Míkonos que fica a 2,5km.
Restaurante apenas para hóspedes. Durante o dia também funciona como bar de apoio à praia.

Estive indecisa, quando marquei na viagem, entre Mykonos Ammos Hotel e o Mykonos Blu Grecotel. Conhecemos um casal alemão que esteve lá alojado e também gostou bastante. A minha opção, na altura, foi influenciada por dois motivos: o Ammos é mesmo em cima da praia e é na praia da Ornos (como já conhecia a praia Psarou, quis conhecer outra).

O que fazer

Creio que não é novidade para ninguém que a ida para uma ilha Grega é feita a pensar na praia. Míconos é uma ilha ventosa, apesar de que nós só apanhamos vento uma tarde e uma manhã e, mesmo assim, fizemos praia. Como fomos em Maio usei quase sempre um casaco à noite. A praia de Ornos é uma das minhas favoritas, é calma, frequentada por casais e famílias e com umas vistas lindas. A areia é suave (há várias praias em Míconos cuja a areia é feita de pequenas pedrinhas).

Quem gostar de praia, como nós, sugiro que alugue um carro e visite as diversas praias que pode encontrar na ilha. Não são muito grandes e têm registos diferentes. Ornos e Psarou são mais familiares, Paradise e Super Paradise são mais festa (apesar de nesta época do ano nenhuma estar ao rubro) ;) Há imensas, nós corremos quase todas e desde Psarou conseguem fazer a pé pelas ravinas (andei bem e não era perigoso). Platis Ialos e Paranga são engraçadas e esta última mais pequena, bem sossegada. A maioria está na zona sul da ilha, mas na zona Norte também há algumas giras (depende sempre do tempo que tenham).


 


em alguns casos dá para passar de uma para outra a pé (se forem aventureiros) ;)






Outra das coisas que fizemos e gostamos muito foi o cruzeiro Rhenia-Delos através da Aegean Ventures. Marcamos on-line e correu tudo bem. No barco estavam cerca de 14 pessoas e saímos do Porto antigo de Míconos e fomos até Rhenia. Lá pode-se mergulhar junto à ilha em águas límpidas (a ilha é desabitada) e almoçamos no barco. O almoço estava muito bom, pois grelharam espetadas mesmo no barco e foram acompanhadas com salada, arroz e queijo feta, claro está. Muito simples, mas bom.
 

A agua é espetacular!!!!!
Aqui está o grelhador!! 
Após o almoço segue-se para a ilha de Delos, que se pode visitar (mediante o pagamento da entrada) ou voltar a dar uns mergulhos. Nós visitamos e achamos muitíssimo interessante. Ter um guia é importante para se entender o que se anda lá a ver. Delos é considerada uma ilha sagrada, pois, de acordo com a mitologia grega, terá sido o local onde nasceu Apolo. É património Mundial da Unesco e pode-se encontrar vários templos, habitações, estatuetas, um anfiteatro entre outras coisas, mas em ruínas.

Delos Mykonos


O que não pode faltar é uma visita à cidade de Míconos (na verdade nós fomos sempre lá jantar). A cidade é linda, as suas ruelas são quase labirínticas, mas aptos dois dias já nos entendemos bem. Tudo muito pintadinho de branco, com as buganvílias a colorir toda a cidade, com imensas lojas para conhecer e se perder. A oferta de restaurantes também é imensa. para além dos passeios zona da Little Venice é também gira e tem bastante vida à noite, caso queiram ir tomar alguma coisa. Podem sempre tirar a foto da praxe junto aos moinhos (apesar de ser uma zona pouco cuidada e não ser  minha favorita, para dizer a verdade).

Mykonos city


Flowers Mykonos
Estas duas fotos foram tiradas em dias diferentes. Gostamos mesmo deste local!!! ;)
Little Venice Mykonos


Onde jantar

Vou falar do jantar pois, para ser sincera, ao almoço acabamos por comer sempre na praia, geralmente pedimos uma sala a horas tardias, pois o pequeno almoço era uma tentação tão boa que não conseguia ter fome muito cedo! ;) Nós procuramos escolher restaurantes que servissem comida Grega, apesar de em Míconos encontrarem muitas opções internacionais.

Jantamos no Kuzina no dia em que chegamos jantamos em Ornos e o jantar foi excelente. Disseram-nos que o sushi era muito bom, então, pedimos sushi e salmão e estava tudo ótimo. O ambiente e a decoração do restaurante, em cima da praia, é excelente.



No dia seguinte, após um longo passeio pela cidade, acabamos por jantar num restaurante próximo da Little Venice o Kastro's. Um restaurante pequeno, meio escondido, mas muito engraçado. Escolhi cordeiro e estava muito bom. O atendimento também foi muito simpático.




Gostei muito do Bakaló, um restaurante numa praça central e bem movimentada. Um restaurante pequeno, com um menu muito interessante. Sugeriram que partilhássemos uma entrada e um prato principal e foi uma ótima sugestão. A empada grega do dia era deliciosa e a perna de cordeiro estava muito bem cozinhada. O restaurante é muito giro e o serviço super simpático.


Bakalo Mykonos


Muito próximos uns dos outros estão dois restaurantes onde também fomos e acabamos por comer peixe (creio que lulas, dourada grelhada e um mix de peixes) O Humus e o pão pita estavam excelentes. Os restaurantes são diferentes entre si, mas quer o Kounelas Fish Tavern quer o Nikos Taverna foram boas experiências e acho que o peixe é uma boa opção. No primeiro estivemos numa espécie de pátio interior e no segundo na esplanada mesmo na rua, apesar de bastante turístico o serviço é rápido e bom.
Este restaurante é o Nikos Tavern, próxima do porto de Mykonos. A esplanada é muito simpática e comida é boa.


Compras

Míconos é uma cidade com tantas lojas que é difícil escolher. Têm já vários ateliers de designers Gregos que são muito interessantes e também se pode encontrar opções de sapatos e dois giras. Tem várias óticas com imensas opções de óculos de sol e com decorações muito giras. ;) Creio que se pode encontrar de tudo um pouco, inclusive já opções de designers internacionais.










Deixando estas áreas, não deixem de experimentar os gelados de iogurte grego, são uma delícia.

Transportes

Há transportes públicos da cidade de Míconos para as principais praias (Ornos, Psarou, Super Paradise...). O que mais se vê ma ilha são lambretas e moto-4. Atenção que há muitos acidentes com lambretas, escolham esta opção se estiverem habituados a usar. Caso não estejam à vontade e não quiserem alugar carro, escolham a Moto-4. Há muitos acidentes com motos, pois a ilha é um pouco acidentada.

Algumas dicas

Míconos é uma ilha vazia de Novembro a Abril. Tudo fecha, as lojas estão fechadas e nada se passa. A época inicia em 01 de Maio, por isso, não vale a penas ir antes da época iniciar pois vão perder todo o movimento. Aliás, fomos na primeira semana da Maio, e ainda havia um ou outro bar a terminar a remodelação, mesmo os de apoio às praias.

Sugiro que levem um casaco para a noite. A ilha não é certa e tanto está calmo, como levanta um vento bem forte.

Por fim, uma coisa de que nunca gosto de falar (os pais educam-nos de uma forma e depois é difícil ultrapassar isso), mas que acabam sempre por me perguntar - preços. A ilha é cara. Se vão à espera de comprar vestidos giros ou sandálias esqueçam a baixo preço, que isso não vai acontecer. A Hotelaria de qualidade, a restauração e as lojas praticam preços caros (segundo sei é a ilha mais cara da Grécia). O que vos posso sugerir: comprar as viagens e marcar alojamento com antecedência e, quem puder, ir entre Maio e Junho. Apesar de haver movimento, a ilha não está tão cheia de gente, as praias estão calmas e o próprio movimento dos restaurantes é menor. Nós não marcamos nenhum restaurante mas acreditamos que em Agosto isso era impossível. Aliás, notamos diferença da semana para o fim de semana.

De qualquer modo, nós adorámos Míconos, já tínhamos estado lá há cerca de 6 anos atrás e queríamos muito voltar. Os Gregos são muitíssimo simpáticos, toda as pessoas com quem contactamos falam inglês o que torna tudo muito fácil. A ilha é linda, a praia é muito boa e come-se bem, com uma companhia maravilhosa o que se pode querer mais de umas férias?

Este post foi útil para vocês? Gostava de saber se querem mais posts deste género.

Beijinhos,

Inês

BE HAPPY, BE PERFECT!


NB. Escrevi este post pois após postar várias fotos das nossas férias no Instagram várias pessoas mostraram interesse em que o fizesse. Apesar de falar aqui em várias marcas este post não é patrocinado, descrevi apenas a nossa experiência e as nossas opções.